sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Resenha do livro - Julieta Imortal

Imagem tirada da internet
Título: Julieta Imortal
Autor (a): Stacey Jay
Número de páginas: 240
Editora: Novo Conceito
Nota:

Sinopse: Julieta Capuleto não tirou a própria vida. Ela foi assassinada pela pessoa em quem mais confiava, seu marido, Romeu Montecchio que fez o sacrifício para assegurar sua imortalidade. Mas Romeu não imaginou que Julieta também teria vida eterna e se tornaria uma agente dos Embaixadores da Luz.
Por setecentos anos, Julieta lutou para preservar o amor e a vida de inocentes, enquanto Romeu tinha por fim destruir o coração humano. 
Mas agora Julieta encontrou seu amor proibido, Romeu fará tudo o que estiver ao seu alcance para destruir a felicidade dela.
Segredos, mistérios e surpresas envolvem este poderoso romance em que o casal mais famoso da literatura mundial tem a chance de contar sua verdadeira história. 


Minha opinião: Julieta Imortal foi um livro totalmente surpreendente para mim. Sempre amei a história de Romeu e Julieta e seu amor impossível. Sempre fui uma grande fã dos livros e histórias de Shakespeare, então seria muito obvio que eu amaria essa releitura. 
Julieta foi um objeto para que Romeu conseguisse sua imortalidade, porém, o que ele não contava era que os Embaixadores da Luz vissem em Julieta sua maior arma. Sendo assim ela também ganhou imortalidade, porém, os antigos amantes agora trabalham em lados opostos da moeda. 
Enquanto Julieta luta para manter os corações cheios de amor, Romeu precisa destruí-los para continuar vivendo para sempre, os Mercenários, são um grupo das forças do mal, que tem como fonte de energia, os corações partidos.
Em determinado momento, Julieta e Romeu se reencontram, os dois tem um novo alvo, Ariel Dragland. Uma garota de 17 anos que não sabe o que tem de tão especial e importante, ela é a chave para todo o enredo do livro. Ariel se considera apenas uma garota comum do ensino médio, porém Julieta e Romeu começam uma verdadeira guerra para se apossar de Ariel. 
Julieta consegue tomar o corpo da menina, e então começa a guiar Ariel para uma grande história de amor, depois disso, Julieta finalmente conseguirá sua liberdade, ela poderá finalmente sua liberdade e seguir com sua "vida". Porém, Romeu também precisa que Ariel tenha seu coração partido para receber a imortalidade de uma vez por todas, e então o casal mais romântico e mais trágico de todos os tempos se enfrenta.
Stacey conseguiu prender minha atenção em cada página desse livro, fazia tempo que eu não pegava um livro e me sentia tão dentro de uma história como eu fiquei com Julieta Imortal. Os personagens foram muito bem criados e muito bem posicionados dentro da história. Porém uma coisa me chamou muito a atenção e me irritou um pouquinho de certa forma. Novamente vemos mais um exemplo de Bella em um livro, Ariel é a típica garota sem sal e sem açúcar, cheia dos problemas e que não tem nada de excepcional para mostrar ao mundo. Mas fora esse pequeno detalhe, o resto da história do livro é surpreendente. 
Com um pouco de suspense, romance, aventura e mistério, Julieta Imortal foi um livro maravilhoso e que me deixou com um gostinho de quero mais.

Considerações finais: Minha nota para esse livro (numa escala de 0 a 5) é 4,5. A história é bem escrita, os personagens são apaixonantes e no fim do livro você quase chora pedindo por mais. Apesar de ser um livro fininho, apenas 240 páginas, ele é simplesmente surpreendente pelo seu tamanho, a autora conseguiu escrever uma linda história nesse número de páginas e isso foi muito bom. Com uma escrita bem simples e de fácil entendimento, faz com que leiamos o livro rapidamente, porém, quanto mais rápido lemos, mais rápido a história termina, e isso nos deixa com aquela pequena depressão pós livro. 

Por: Amanda B. Grippa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nós conte a sua opinião sobre o assunto :)