sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Resenha do livro - Diário de uma paixão

Imagem tirada da internet
Título: Diário de uma paixão
Autor (a): Nicholas Sparks
Número de páginas: 256
Editora: Novo Conceito
Nota:


Sinopse: "Não sou nada especial; disso estou certo. Sou um homem comum, com pensamentos comuns e vivi uma vida comum. Não há monumentos dedicados a mim, e o meu nome em breve será esquecido, mas amei outra pessoa com toda a minha alma e coração e, para mim, isso sempre bastou." - Noah Calhoun.  
Assim tem início uma das mais emocionantes e intensas histórias de amor que você lerá na vida. O livro é retrato de uma relação rara e bela, que resistiu ao teste do tempo e das circunstâncias. Com um encanto raramente encontrado na literatura atual, o Diário de Uma Paixão, de Nicholas Sparks, o consagra como um contador de histórias clássicas, com uma perspectiva excepcional sobre a mais importante e única emoção que nos mantém.


Minha opinião: Diário de uma paixão, assim como todos os romances de Nicholas Sparks são mela calcinha, ou seja, aquele romance todo cheio de amor pra cá, amor pra lá. Que acontece mil e uma coisas e no fim o casal sempre acaba junto. Mas será que Nicholas Sparks seria tão previsível assim? 
Diário de uma paixão para mim segue a mesma linha de 'Um amor para recordar', tirando o fato de que a garota não sofre de leucemia. 
Noah Calhoun é um jovem rapaz humilde, que trabalha duro para ganhar a vida. Ele sonha em quitar a divida dos pais para poder dar sossego ao velho pai que está doente. Já Allie Hamilton, uma jovem rica não está preocupada com nada além de seu vestido e sua vida perfeita. Em dado momento da história os dois acabam se encontrando e como consequência acabam "ficando" e uma grande paixão desperta nos corações dos dois. E mais uma vez temos o exemplo clássico de dois jovens de classes sociais diferentes que acabam se apaixonando. E mais uma vez, como de prache, os dois não podem ficar juntos. 
O pai de Allie já havia "marcado" seu casamento, com um jovem rico e de família muito influente, vale lembrar que a história se passa em uma época distante, onde casamentos arranjados eram "comuns". E mais prache ainda, Allie se revolta e diz que não vai casar com outra pessoa que não seja Noah. E durante todo o verão eles vivem o maior romance de todos os tempos, não ligando para diferenças sociais e nem nada do gênero. Até que o verão acaba e Allie tem que voltar para a cidade de onde veio.
Sim, ela não mora na cidade em que Noah vive, ela apenas veio passar as férias de verão para depois voltar para a sua vida normal. E aí acontecem várias coisas que mudam o rumo dos dois, como Noah pensando que Allie apenas o usou para se divertir nas férias, quando ela vai embora, ele pensa em ir vê-la e chega a fazer isso, mas se arrepende quando a vê com seu "noivo" e volta arrependido para casa.
Vários anos se passam quando os dois pombinhos tornam a se encontrar novamente, Noah agora bem mais velho, cuida dos negócios da família, e acabou por comprar uma casa que ele e Allie sonharam em comprar para viverem juntos em um verão muito distante, e agora mora lá sozinho. 


Considerações finais: Como eu disse, para mim, 'Diário de uma paixão' segue a mesma linha de 'Um amor pra recordar', mas não seu enredo, mas sim o amor envolvido entre os dois personagens principais, assim como em todos os livros de Nicholas, há um amor entre duas pessoas que é impossível e no fim eles acabam juntos. Não posso contar se é isso mesmo o que acontece nesse livro, aconselho que leiam para saber. Mas uma coisa eu digo, não vão se arrepender da leitura. Minha nota pra esse livro é de 4,5 (numa escala de 0 a 5)

Por: Amanda B. Grippa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nós conte a sua opinião sobre o assunto :)