sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Resenha do Livro: Sempre foi você

Imagem tirada da internet
Título: Sempre foi você
Autor (a): Carrie Elks
Número de páginas: 312
Editora: Universo dos Livros
Ano: 2014
Nota:

Sinopse: "Richard, nós tivemos um bebê".
Londres, 31 de dezembro de 1999. Aos 17 anos, a britânica Hanna Vincent conhece o americano Richard Larsen: um estudante rico, encantador e sedutor que vai virar seu mundo de ponta-cabeça. Um relacionamento entre eles é improvável, já que vivem em mundos completamente diferentes. Mas aos poucos uma grande amizade vai surgindo e leva os dois a uma relação explosiva, cheia de paixão, amor e aventura. 

Emocionante e comovente 'Sempre Foi Você' é uma genuína história de amor. Você daria uma segunda chance ao amor da sua vida?

Resenha: Sempre foi você conta a história de Hanna e Richard. Começamos no ano de 1999, na virada do ano, que é quando eles se conhecem. A partir daí cada capítulo é uma data, um ano, não especificamente apenas um dia do ano (como o livro 'Um Dia')
A autora vai narrando aos pouquinhos a relação que eles vão passando a ter ao longo dos anos. Primeiro vem a amizade dos dois e do laço afetivo que a Hanna acaba criando com a família dele. 
Um ponto que eu achei muito interessante é a evolução que podemos acompanhar na vida deles e dos personagens que estão em volta. O crescimento natural de cada um envolvido na vida deles. Esses personagens secundários são muito bem construídos, o que é difícil de ver.
No quesito viagem é uma ponte a área sem fim entre dois lugares que eu sou apaixonada e morro de vontade de conhecer, Londres (cidade dela) e Nova York (cidade dele). Todo mundo já sabe o quanto é difícil para um casal literário que mora na mesma cidade, imagina para Hanna e Richard que tem motivos, de sobra, para se manterem em suas cidades natais, e mais motivos ainda para estarem juntos.
O prólogo me deixou muito ansiosa para saber onde se encaixava e não me deixou na mão. Me surpreendi muito. 
Agora falando na capa, que capa é essa minha gente? É perfeita. Tem os elementos certos.

Por: Carol Cadiz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nós conte a sua opinião sobre o assunto :)