quarta-feira, 9 de março de 2016

Resenha do Livro: Desejo Proibido

Título: Desejo Proibido
Autor (a): Sophie Jackson
Número de páginas: 413
Ano: 2015
Nota: 
Onde comprar: Amazon
Sinopse: Primeiro livro de uma trilogia, Desejo proibido é uma história de amor e redenção, de universos distantes que se aproximam e se fundem numa paixão avassaladora. Seu amor é proibido, mas não pode ser ignorado. Katherine Lane nasceu em berço de ouro. Filha e neta de senadores, a bela ruiva de olhos verdes e curvas perfeitas se formou em Literatura e surpreendeu a todos ao decidir dar aulas em uma penitenciária. Mas quando Carter, um detento inteligente e perigosamente sexy, desperta ao mesmo tempo a raiva e o desejo de Kat, ela é forçada a admitir para si mesma que a decisão de lhe dar aulas particulares pode ter sido motivada não pela generosidade, mas sim, pela crescente atração entre os dois. Embora a família e os amigos de Kat temam que a paixão destrua sua carreira e sua vida, tudo o que ela quer é ficar com esse homem que a faz sentir-se completa. Porém, Carter guarda um segredo que tanto pode unir seus destinos para sempre quanto afastá-los de uma vez por todas.
Resenha: Noites mal dormidas, a não ser com a ajuda de remédios, fazem parte do cotidiano de Kat. Ela estava com o pai quando ele foi cercado por cerca de cinco homens que o agrediram até a morte. Essas lembranças jamais foram embora de sua cabeça. Ao se candidatar para a vaga de professora de literatura em Arthur Kill, o presídio, consegue ter um pouco de paz em relação a promessa que fez ao pai, de que retribuiria o bem que recebe. Ela se sente aliviada ao realizar essas aulas.

Mas dezesseis anos antes, no noite do acidente ela foi retirada do locar por um jovem não muito mais velho que ela. Ele impediu de ela ter o mesmo destino que seu pai. Seus caminhos foram traçados quando pequenos.

Carter é problemático e está preso mais uma vez. E é nesse lugar, que de romântico não tem nada, que ele reencontra sua menina. Ele jamais se esqueceu do ato de coragem para com Kat.

Uma história de amor entre aluno e professora? Sim e não. A autora juntou vários clichês e deu o seu toque que fez com que cada um deles se tornasse inesperado. Professora – aluno, bad boy problemático, mocinha teimosa, mãe que não aceita o relacionamento.

Ao meu ponto de vista a autora comandou bem o enredo sem dar muitas voltas e parar no mesmo lugar. Sempre há uma informação nova para ser captada durante a leitura do livro. Apesar do foco ser Kat e Carter alguns personagens secundários tem grande destaque para cada um dos protagonista.
A narração é em terceira pessoa, o que eu estranhei bastante pois a maioria dos livros desse gênero são em primeira, mas mesmo assim a autora conseguiu passar os sentimentos de cada personagem e todos os detalhes que só uma pessoa de fora consegue enxergar. Eu vejo uma linha muito tênue que tem que ser traçada para que um romance desse tipo seja bem sucedido com essa característica da terceira pessoa. Eu gostei, mas muita gente vai estranhar.

Outra coisa que quero ressaltar é que quem está acostumado com o gênero fica a todo novo momento esperando as cenas dos atos sexuais, pois muitos livros espalhados pelo mercado apresentam só sexo e pouco conteúdo. Aqui são bem poucas cenas mais estão equilibradas de uma forma a complementar e não basear a história nisso. Eu prefiro assim quando se tem um “motivo” para aquela cena entra naquele determinado momento.

Por: Carol Cadiz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nós conte a sua opinião sobre o assunto :)